Consagrações aos Sagrados Corações

Consagração aos Sagrados Corações de Jesus e de Maria

Sacratíssimos Corações de Jesus e de Maria, a Vós me consagro, assim como toda minha família. Consagramos a Vós nosso próprio ser, toda nossa vida, tudo o que somos, tudo o que temos, e tudo o que amamos. A Vós damos nossos corações e nossas almas, a Vós dedicamos nosso lar e nosso país, conscientes de que, através dessa Consagração nós, agora, prometemo-Vos viver cristãmente praticando as virtudes da nossa religião, sem nos envergonharmos de testemunhar a fé. Ó Sacratíssimos Corações de Jesus e de Maria, aceitai esta humilde oferta de entrega de cada um de nós, através deste ato de Consagração. Nossa esperança é colocada em vós, com a certeza de que jamais seremos confundidos.

Sacratíssimo Coração de Jesus, tende misericórdia de nós!

Consagrações ao Sagrado Coração de Jesus

Consagração Pessoal ao Sacratíssimo Coração de Jesus

(de Santa Margarida Maria Alacoque)

Eu, (seu nome), vos dou e consagro, ó Sagrado Coração de Jesus Cristo, a minha vida, as minhas ações, minhas penas e sofrimentos, para não querer mais servir-me de nenhuma parte do meu ser, senão para vos honrar, amar e glorificar. É esta a minha vontade irrevogável: ser todo vosso e tudo fazer por vosso amor, renunciando de todo o meu coração a tudo quanto vos possa desagradar!

Tomo-vos, pois, ó Sagrado Coração, por único Bem do meu amor, Protetor da minha vida, Segurança da minha salvação, Remédio da minha fragilidade e da minha inconstância, Reparador de todas as imperfeições da minha vida e meu Amparo seguro na hora da morte.

Sê, ó Coração de Bondade, a minha Justificação diante de Deus, Vosso Pai, para que desvie de mim a Sua justa Cólera.

Ó Coração de Amor, deposito em Vós toda a minha confiança, pois tudo temo de minha malícia e de minha fraqueza, mas tudo espero de Vossa Bondade. Extingui em mim tudo o que possa vos desagradar ou que se oponha à vossa Vontade.

Seja o vosso puro Amor tão profundamente impresso em meu coração, que jamais possa eu vos esquecer nem me separar de Vós. Suplico-vos que o meu nome seja escrito no vosso Coração, pois quero fazer consistir toda a minha felicidade e toda a minha glória em viver e morrer como vosso servo. Amém.

Consagração da Família ao Sagrado Coração de Jesus

(Texto aprovado por São Pio X em 1908)

Sagrado Coração de Jesus, que manifestastes à Santa Margarida Maria o desejo de reinar sobre as famílias cristãs, viemos hoje proclamar vossa Realeza absoluta sobre a nossa família.

Queremos, de agora em diante, viver a vossa Vida; queremos que floresçam, em nosso meio, as virtudes as quais prometestes e, já neste mundo, a paz.

Queremos banir para longe de nós o espírito mundano que amaldiçoastes.

Reinareis em nossas inteligências pela simplicidade de nossa fé; em nossos corações pelo Amor sem reservas de que estamos abrasados para convosco, e cuja Chama manteremos pela recepção frequente de vossa divina Eucaristia.

Dignai-Vos, Coração divino, presidir as nossas reuniões, abençoar as nossas empresas espirituais e temporais, afastar de nós as aflições, santificar as nossas alegrias, aliviar as nossas penas.

Se alguma vez, algum de nós tiver a infelicidade de vos ofender, lembrai-vos, ó Coração de Jesus, que sois bom e misericordioso para com o pecador arrependido.

Quando soar a hora da separação, nós todos, os que partem e os que ficam, seremos submissos aos vossos eternos Desígnios. Consolar-nos-emos com o pensamento de que há de vir um dia em que toda a família, reunida no Céu, poderá cantar para sempre a vossa Glória e os vossos benefícios.

Digne-se o Coração Imaculado de Maria, digne-se o glorioso Patriarca São José, apresentar-Vos esta consagração e no-la lembrar todos os dias de nossa vida. Viva o Coração de Jesus, nosso Rei e nosso Pai!

Fórmula de Consagração de toda a Humanidade ao Coração Sacratíssimo de Jesus

(Carta Encíclica Annum Sacrum, de Leão XIII – Página [209] – final do missal)

Ó Dulcíssimo Jesus, ó Redentor do gênero humano, lançai um olhar sobre nós, humildemente prostrados diante do vosso Altar! Somos vossos e vossos queremos ser; e para podermos viver mais estreitamente unidos a Vós, eis que cada um de nós se consagra ao vosso Sacratíssimo Coração. Muitos, porém, já não vos conhecem; muitos, ao desprezar os vossos Mandamentos, repudiam-Vos. O Benigníssimo Jesus, tende piedade de uns e de outros; e atraí todos ao vosso Coração Santíssimo.

Oh Senhor, sê o Rei não só dos fiéis que não se distanciaram de Vós, mas também destes filhos pródigos que Vos abandonaram; fazei com que estes retornem à Casa Paterna o quanto antes para não morrerem de miséria e fome. Sê o Rei de todos os que vivem no engano do erro ou que por discordarem de Vós se separaram; chamai-os ao Porto da Verdade e da Unidade da Fé para que assim, em breve, não haja mais que um só rebanho sob um só Pastor.

Sê finalmente o Rei de todos os que estão envoltos nas superstições do paganismo e não recuseis tirá-los das trevas para traze-los à Luz do Reino de Deus.

Obtende, ó Senhor, a integridade e liberdade segura para a vossa Igreja; dai a todo o povo a tranquilidade da ordem; fazei com que de uma extremidade à outra da Terra ressoe esta única voz: “Seja louvado este Coração do qual provém a nossa salvação! A Ele a Glória e a Honra pelos séculos! Amém!”

Consagração ao Sagrado Coração de Jesus

Ó Jesus, sabemos que fostes manso e oferecestes, por nós, o Vosso Coração. Coração coroado por espinhos e pelos nossos pecados. Sabemos que hoje também rezais pela nossa salvação. Jesus, lembrai-Vos de nós quando cairmos no pecado. Fazei que, por meio do Vosso Santíssimo Coração, todos nós, seres humanos, nos amemos. Desapareça o ódio do seio da humanidade. Mostrai-nos o Vosso amor. Todos nós Vos amamos e desejamos que o Vosso Coração de Pastor nos proteja de todo o pecado. Entrai em todos os corações, ó Jesus! Batei. Batei à porta do nosso coração. Sede paciente e perseverante. Nós continuamos ainda fechados, porque não compreendemos a Vossa vontade. Batei continuamente. Fazei, ó bom Jesus, que saibamos abrir para Vós os nossos corações, ao menos quando nos lembrarmos da Vossa paixão, que sofrestes por nós. Amém.

Consagrações ao Imaculado Coração de Maria

Consagração ao Imaculado Coração de Maria

(Oração ditada por Nossa Senhora a Jelena, em novembro de 1983)

Ó Coração Imaculado de Maria, repleto de bondade, mostrai-nos o Vosso amor. A chama do vosso Coração, ó Maria, desça sobre todos os homens! Nós Vos amamos infinitamente! Imprimi nos nossos corações o verdadeiro amor, para que sintamos o desejo de Vos buscar incessantemente. Ó Maria, Vós que tendes um Coração suave e humilde lembrai-vos de nós quando cairmos no pecado. Vós sabeis que todos os homens pecam. Concedei que, por meio de Vosso Imaculado e Materno Coração, sejamos curados de toda doença espiritual. Fazei que possamos sempre contemplar a bondade de Vosso Materno Coração e nos convertamos por meio da chama do Vosso Coração. Amém.

Consagração ao Imaculado Coração de Maria

(3 anos de indulgência – 21 de fevereiro de 1907)

Ó Maria, Virgem poderosa e Mãe de Misericórdia, Rainha do céu e refúgio dos pecadores, nós nos consagramos ao vosso Imaculado Coração. Nós vos consagramos o nosso ser e toda a nossa vida; tudo o que temos, tudo o que amamos, tudo o que somos. Nossos corpos e nossas almas são vossas. Nossos lares, nossas famílias e nossa pátria são vossas.

Queremos que tudo o que há em nós, tudo o que há ao nosso redor, vos pertença e compartilhe dos benefícios de suas bênçãos maternais. E para que esta consagração seja verdadeiramente eficaz e duradoura, renovamos hoje aos vossos pés, ó Maria, as promessas do nosso batismo e da nossa Primeira Comunhão. Nós nos comprometemos a professar corajosamente e sempre as verdades da Fé, a viver como católicos plenamente submissos à todas as disposições do Papa e dos Bispos em comunhão com ele.

Nós nos comprometemos a guardar os mandamentos de Deus e da Igreja, particularmente a santificação do domingo. Nós nos comprometemos a incorporar às nossas vidas – o quanto nos for possível – as práticas consoladoras da Religião cristã, e sobretudo da Santa Comunhão.

Por fim, nós vos prometemos, ó gloriosa Mãe de Deus e terna Mãe dos homens, colocar todo o nosso coração ao serviço de vosso culto bendito, a fim de acelerar, de assegurar, mediante o reinado do vosso Coração Imaculado, o reinado do Coração de vosso adorável Filho em nossas e em todas almas, em nossa querida pátria e em todo o universo, assim na terra como no céu. Amém.

Ato de Consagração ao Imaculado Coração de Maria

(Para os Religiosos e Fiéis que aderiram ao Movimento Sacerdotal Mariano, com aprovação eclesiástica)

Virgem de Fátima,/ Mãe de Misericórdia,/ Rainha do Céu e da Terra,/ refúgio dos pecadores,/ nós, aderindo ao Movimento Mariano,/ consagramo-nos de modo especialíssimo/ ao vosso Coração Imaculado./

Com este ato de consagração/ pretendemos viver, convosco/ e por meio de Vós,/ todos os compromissos/ assumidos na nossa consagração batismal./ Comprometemo-nos, igualmente,/ a realizar em nós/ a conversão interior/ tão pedida no Evangelho,/ a qual nos liberte de todo apego a nós mesmo/ e dos compromissos fáceis com o mundo,/ para estarmos, como Vós, sempre e unicamente/ dispostos a fazer a vontade do Pai.

E enquanto pretendemos confiar-Vos a Vós,/ Mãe dulcíssima e misericordiosa,/ a nossa vida e vocação cristã/ para que tudo disponhais/ para os vossos desígnios de salvação/ nesta hora decisiva que pesa sobre o mundo,/ comprometemo-nos a vivê-la/ segundo os vossos desejos/ em particular em um renovado espírito de oração e de penitência,/ na participação fervorosa na celebração da Eucaristia,/ no apostolado,/ na reza diária do santo terço/ e num modo austero de vida,/ conforme o Evangelho,/ que a todos dê bom exemplo/ de observância da Lei de Deus/ e do exercício das virtudes Cristãs,/ especialmente da pureza./

Prometemo-Vos, ainda,/ mantermos-nos unidos ao Santo Padre,/ à Hierarquia e aos nossos Sacerdotes,/ de modo a opormos uma barreira/ à onda de contestação do magistério,/ que ameaça até os fundamentos. Debaixo do vosso amparo/ queremos tornar-nos apóstolos/ desta hoje tão necessária união de oração/ e de amor ao Santo Padre/ para quem suplicamos a vossa especial proteção./

Prometemos-Vos, por último,/ levar, quanto nos for possível,/ as pessoas com as quais entrarmos em contato/ a renovar a sua devoção para convosco./

Conscientes de que o ateísmo/ fez naufragar na fé grande números de fiéis,/ de que a dessacralização entrou no templo santo de Deus,/ de que o mal e o pecado inundam cada vez mais o mundo,/ ousamos levantar confiantes os nossos olhares para Vós,/ Mãe de Jesus e Mãe nossa,/ misericordiosa e poderosa, e ainda hoje invocar,/ e esperar de Vós,/ a salvação para todos os vossos filhos,/ ó clemente, ó piedosa, ó doce sempre Virgem Maria.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s